- Anúncios -
x

Bibliatodo Comentários




Diário Viver
Gênesis 3

1. Ora, a serpente era mais astuta que todas as alimárias do campo que o SENHOR Deus tinha feito. E esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?

2. E disse a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim comeremos,

3. mas, do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais.

4. Então, a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis.

5. Porque Deus sabe que, no dia em que dele comerdes, se abrirão os vossos olhos, e sereis como Deus, sabendo o bem e o mal.

6. E, vendo a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento, tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela.

7. Então, foram abertos os olhos de ambos, e conheceram que estavam nus; e coseram folhas de figueira, e fizeram para si aventais.

8. E ouviram a voz do SENHOR Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e escondeu-se Adão e sua mulher da presença do SENHOR Deus, entre as árvores do jardim.

9. E chamou o SENHOR Deus a Adão e disse-lhe: Onde estás?

10. E ele disse: Ouvi a tua voz soar no jardim, e temi, porque estava nu, e escondi-me.

11. E Deus disse: Quem te mostrou que estavas nu? Comeste tu da árvore de que te ordenei que não comesses?

12. Então, disse Adão: A mulher que me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi.

13. E disse o SENHOR Deus à mulher: Por que fizeste isso? E disse a mulher: A serpente me enganou, e eu comi.

14. Então, o SENHOR Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isso, maldita serás mais que toda besta e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás e pó comerás todos os dias da tua vida.

15. E porei inimizade entre ti e a mulher e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.

16. E à mulher disse: Multiplicarei grandemente a tua dor e a tua conceição; com dor terás filhos; e o teu desejo será para o teu marido, e ele te dominará.

17. E a Adão disse: Porquanto deste ouvidos à voz de tua mulher e comeste da árvore de que te ordenei, dizendo: Não comerás dela, maldita é a terra por causa de ti; com dor comerás dela todos os dias da tua vida.

18. Espinhos e cardos também te produzirá; e comerás a erva do campo.

19. No suor do teu rosto, comerás o teu pão, até que te tornes à terra; porque dela foste tomado, porquanto és pó e em pó te tornarás.

20. E chamou Adão o nome de sua mulher Eva, porquanto ela era a mãe de todos os viventes.

21. E fez o SENHOR Deus a Adão e a sua mulher túnicas de peles e os vestiu.

22. Então, disse o SENHOR Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, pois, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma, e viva eternamente,

23. o SENHOR Deus, pois, o lançou fora do jardim do Éden, para lavrar a terra, de que fora tomado.

24. E, havendo lançado fora o homem, pôs querubins ao oriente do jardim do Éden e uma espada inflamada que andava ao redor, para guardar o caminho da árvore da vida.

×
Gênesis 3

3.1 Disfarçado como uma ardilosa serpente, Satanás deveu tentar a Eva. Alguma vez, Satanás foi um ser angélico que se rebelou contra Deus e foi jogado do céu. Satanás é um ser criado e portanto tem limitações. Mesmo que Satanás está tratando de tentar a todos para afastar os de Deus, não terá a vitória final. Em Gen 3:14-15 Deus promete que Satanás será esmagado por um da semente da mulher, o Messías. 3.1-6 por que Satanás nos prova? A tentação é um convite de Satanás para nos entregar a seu estilo de vida e renunciar ao estilo de vida de Deus. Satanás tentou a Eva e obteve que pecasse. Após se mantém ocupado tratando de conseguir que a gente peque. Inclusive tentou ao Jesus (Mat 4:11), mas Jesus não pecou! De que maneira poderia ter resistido Eva a tentação? Seguindo os mesmos princípios que nós podemos seguir. Primeiro, devemos nos dar conta de que ser tentados não é um pecado. Não pecamos até que nos rendemos ante a tentação. portanto, para resistir a tentação, devemos: (1) orar pedindo forças para resisti-la, (2) fugir (algumas vezes literalmente), e (3) dizer não quando enfrentarmos a algo que nos consta que não é correto. Jam 1:12 fala das bênções e recompensas para aqueles que não se rendem ante a tentação. 3.1-6 A serpente (Satanás) tentou a Eva fazendo-a duvidar da bondade de Deus. O sugeriu que Deus era estrito, mísero e egoísta já que não queria que Eva tivesse como O conhecimento do bem e do mal. Satanás fez que Eva se esquecesse de tudo o que Deus lhe tinha dado e que centrasse sua atenção na única coisa que não podia ter. Também, nos metemos em problemas quando insistimos em emprestar atenção às poucas coisas que não temos em lugar de olhar o muito que Deus nos deu. A próxima vez que sinta lástima de si pelo que não tem, considere tudo o que sim tem e agradeça a Deus. Logo suas dúvidas não o farão cair em pecado. 3.5 Adão e Eva obtiveram o que queriam: um conhecimento íntimo tanto do bem como do mal. Mas o obtiveram através do caminho equivocado e o resultado foi desastroso. Às vezes temos a ilusão que liberdade é fazer o que a um agrada. Deus diz que a verdadeira liberdade provém da obediência e de saber o que não devemos fazer. As restrições que O nos deu são para nosso próprio benefício, nos ajudando a evitar o mal. Temos a liberdade de caminhar de frente a um automóvel que vem para nós a alta velocidade, mas não é necessário que sejamos atropelados para nos dar conta de que se o fazemos seria algo realmente tolo. Não escute as tentações de Satanás. Não é necessário que faça o mau para obter maior experiência e aprender mais a respeito da vida. 3.5 Satanás utilizou um motivo sincero para tentar a Eva: "Chegará a ser como Deus!" Não estava mal que Eva queria ser como Deus. Parecer-se mais a Deus é a meta suprema da humanidade. É o que se supõe que devemos fazer. Mas Satanás enganou a Eva no que respeita ao modo apropriado de obter este objetivo. Disse-lhe que ela poderia parecer-se mais a Deus ao desafiar sua autoridade, tomando seu lugar e decidindo por si mesmo o que era melhor para sua vida. Em efeito, disse-lhe que se convertesse em seu próprio deus. Mas chegar a ser como Deus não é o mesmo que tratar de ser Deus. Mas bem, é refletir suas características e reconhecer sua autoridade sobre sua vida. Ao igual a Eva, freqüentemente temos uma meta muito valiosa mas tratamos de alcançar a de um modo equivocado. Comportamo-nos como um candidato político que lhe paga ao encarregado da recontagem de votos para ganhar as eleições. Quando faz isto, servir ao povo deixa de ser sua meta principal. A exaltação do eu conduz à rebelião contra Deus. logo que começamos a tirar deus de nossos planos, estamo-nos colocando nós mesmos por cima do. Isto é exatamente o que Satanás quer que façamos. ADAN É difícil imaginar como se sentiria Adão sendo primeira e única pessoa na terra. Uma coisa é que nos sintamos sozinhos; para o Adão, que nunca tinha conhecido a outro ser humano, era outra coisa. O se perdeu de muitas coisas que nos fizeram como somos agora: não teve infância, nem pais, nem família, nem amigos. Teve que aprender a ser humano por sua conta. Felizmente, Deus não permitiu que lutasse muito tempo antes de lhe apresentar uma ajuda e companheira idônea: Eva. Formaram uma unidade completa, inocente e aberta, sem um pingo de vergonha em nada. Uma das primeiras conversações do Adão com seu agradabilísima e bela companheira deveram ter sido as regras do horta. antes de que Deus criasse a Eva, já lhe tinha dado ao Adão completa liberdade no horta, junto com a responsabilidade de vigiá-lo e cuidá-lo. Entretanto, uma árvore estava fora dos limites: a árvore do conhecimento do bem e do mal. Adão deveu ter falado com a Eva sobre tudo isto. Ela sabia, quando Satanás lhe aproximou, que o fruto dessa árvore não se devia comer. Entretanto, decidiu comer o fruto proibido. Mais tarde o ofereceu ao Adão. Nesse momento, o destino da criação esteve em perigo. Tristemente, Adão não se deteve considerar as conseqüências. Seguiu adiante e o comeu. Nesse momento de pequena rebelião algo grande, formoso e puro se rachou: a perfeita criação de Deus. O homem se viu separado de Deus por querer atuar por sua conta. Seja que se lance um calhau ou uma pedra grande para uma janela de vidro, o efeito é o mesmo. Nunca poderão voltar a reuni-los milhares de fragmentos. Entretanto, no caso do pecado do homem, Deus já tinha posto em marcha um plano para vencer os efeitos da rebelião. A Bíblia inteira é a história de como se desenvolve esse plano, com a visita de Deus à terra através de seu Filho Jesus como parte essencial. A vida sem pecado do Jesus e sua morte fizeram possível que Deus oferecesse o perdão a todos os que o quisessem. Nossas ações de rebelião, já sejam pequenas ou grandes, demonstram que somos descendentes do Adão. Unicamente o pedir o perdão do Jesucristo nos faz filhos de Deus. Pontos fortes e lucros : -- Foi o primeiro zoólogo: deu-lhe nome aos animais -- Foi o primeiro desenhista de jardins, a cargo de vigiar e cuidar dele -- É o pai da raça humana -- Foi a primeira pessoa feita à imagem de Deus e primeiro humano que teve uma relação íntima e pessoal com O Debilidades e enganos : -- Fugiu da responsabilidade e culpou a outros; preferiu esconder-se a enfrentar-se; desculpou-se em lugar de confessar a verdade -- Seu maior engano: fazer-se cúmplice da Eva para trazer o pecado ao mundo Lições de sua vida : -- Como descendentes do Adão, todos refletimos até certo grau a imagem de Deus -- Deus quer que as pessoas, embora tenham liberdade de fazer o mal, optem por amá-lo ao. -- Não devemos culpar a outros de nossas próprias faltas -- Não podemos nos esconder de Deus Dados gerais : -- Onde: Horta de Éden -- Ocupação: Guardião, jardineiro e granjeiro -- Familiares: Esposa: Eva. Filhos: Caím, Abel, Set e muitos outros filhos mais. O único homem que nunca teve pai nem mãe terrestres Versículos chave : "A mulher que me deu por companheira me deu da árvore, e eu comi" (Gen 3:12). "Porque assim como no Adão todos morrem, também em Cristo todos serão vivificados" (1Co 15:22). A história do Adão se relata em Gênese 1.26-5.5. Também lhe menciona em 1Ch 1:1; Luk 3:38; Rom 5:14; 1Co 15:22, 1Co 15:45; 1Ti 2:13-14. 3.6 Satanás tratou de que Eva pensasse que o pecado era bom, prazenteiro e desejável. O conhecimento tanto do bem como do mal parecia inofensivo a ela. Pelo general, a gente decide fazer coisas más porque se convenceu de que essas coisas são boas, ao menos para eles mesmos. Nossos pecados não sempre nos parecem horríveis, e os pecados que dão prazer são os que nos custa mais trabalho evitar. Assim prepare-se para as atrativas tentações que possam surgir a seu passo. Mesmo que não sempre possamos acautelar a tentação, sempre há uma saída (1Co 10:13). Recorra à Palavra de Deus e a seu povo para permanecer firme ante a tentação. 3.6, 7 Observe com atenção o que fez Eva: olhou, tomou, comeu e deu. Freqüentemente a batalha está perdida ao primeira olhada. A tentação começa simplesmente ao olhar algo que queremos. Está você lutando com a tentação porque não aprendeu que olhar é o primeiro passo para o pecado? Sairemos vitoriosos da tentação mais freqüentemente se seguirmos o conselho do Paulo de fugir daquelas coisas que nos produzem maus pensamentos (2Ti 2:22). 3.6, 7 Uma das realidades do pecado é que seu efeito se estende. depois de que Eva pecasse, envolveu ao Adão em sua má ação. Quando fazemos algo mau, freqüentemente nosso primeiro alívio da culpa vem quando envolvemos a alguém mais. Como desperdício tóxico derramado em um rio, o pecado se estende rapidamente. Reconheça e confesse seu pecado a Deus antes de que seja tentado e polua aos que estão a seu redor. 3.7, 8 depois de pecar, Adão e Eva se sentiram culpados e envergonhados por sua nudez. Seus sentimentos de culpabilidade os fizeram fugir de Deus e trataram de esconder-se. Uma consciência culpado é um sinal de advertência que Deus colocou dentro de você que se acende quando tem feito o mau. Quão pior pode fazer é eliminar os sentimentos de culpabilidade sem eliminar a causa. É como utilizar um analgésico sem detectar a enfermidade. Alegre se de que esses sentimentos estejam aí, fazem-no estar consciente de seu pecado para que assim possa pedir o perdão de Deus e corrigir suas más ações. 3.8 Resulta graciosa a imagem de dois humanos talheres com folhas de figueira tratando de esconder do Deus que todo o vê e todo sabe. Como puderam ser tão parvos de pensar que podiam esconder-se? Entretanto, nós fazemos o mesmo quando tratamos de lhe ocultar coisas a Deus. lhe conte tudo o que faz e pensa e não trate de esconder-se, é impossível. A sinceridade fortalecerá sua relação com Deus. 3.8, 9 Este versículo mostra o desejo de Deus de ter amizade conosco. Também mostra por que temos medo de ter uma relação com O. Adão e Eva se esconderam quando escutaram que se aproximava. Deus queria estar com eles, mas por causa de seu pecado, Adão e Eva tinham medo de mostrar-se ante O. O pecado tinha quebrado sua comunhão com Deus, assim como tem quebrado nossa comunhão com Deus. Mas por meio do Jesucristo, o Filho de Deus, aberto-se o caminho para que renovemos nossa amizade com O. Deus deseja estar conosco. O nos oferece totalmente seu amor incondicional. Nossa resposta natural é o temor, já que sabemos que não podemos viver sob suas normas. Mas o reconhecer que O nos ama, apesar de nossas faltas, pode-nos ajudar a tirar esse temor. 3.11-13 Adão e Eva não fizeram caso à advertência de Deus em 2.16, 17. Eles não entenderam as razões deste mandamento, assim decidiram atuar da forma que lhes parecia mais apropriada. Todos os mandamentos de Deus são obviamente para nosso próprio benefício, mas pode que não sempre entendamos as razões. O povo que confia em Deus lhe obedecerá porque Deus o pede, seja que entenda ou não o porquê de seus mandamentos. 3.11-13 Quando Deus perguntou ao Adão sobre seu pecado, Adão culpou a Eva. Logo Eva culpou à serpente. Quão fácil é desculpar nossos pecados culpando a outra pessoa ou às circunstâncias. Mas Deus sabe a verdade. E O nos faz responsáveis a cada um de nós pelo que fazemos (veja-se 3.14-19). Admita seu pecado e peça desculpas a Deus. Não trate de escapar de seu pecado culpando a outro. 3.14ss Adão e Eva escolheram seu curso de ação (desobediência) e logo Deus escolheu o seu. Como Deus santo só podia responder de uma maneira coerente com sua natureza moral perfeita. Não podia permitir passar por cima o pecado, devia castigá-lo. Se as conseqüências do pecado do Adão e Eva lhe parecem extremas, recorde que o pecado que cometeram pôs em ação a tendência do mundo à desobediência a Deus. Este é o motivo pelo qual ainda pecamos hoje: Todo ser humano que jamais tenha nascido, com a exceção do Jesus, possui a herança da natureza pecaminosa do Adão e Eva (Rom 5:12-21). O castigo do Adão e Eva reflete com que seriedade Deus vê o pecado de qualquer classe. 3.14-19 Adão e Eva aprenderam por meio de uma experiência dolorosa que, já que Deus é justo e odeia o pecado, deve castigar aos pecadores. O resto do livro de Gênese relata histórias dolorosas de vistas arruinadas pela queda. A desobediência é pecado e rompe nossa relação com Deus. Felizmente, quando desobedecemos, a vontade de Deus é nos perdoar e restaurar nossa relação com O. 3.15 Satanás é nosso inimigo, ele fará todo o possível para fazer que sigamos seu caminho de maldade e morte. A frase "Você lhe ferirá no calcanhar" se refere aos intentos constantes de Satanás de derrotar a Cristo durante sua vida na terra. "Esta te ferirá na cabeça", anuncia a derrota de Satanás quando Cristo se levantou da morte. Um golpe ao talão não é mortal, mas a gente atirado na cabeça sim. Já Deus estava revelando seu plano para derrotar a Satanás e oferecer salvação ao mundo por meio de seu Filho Jesucristo. 3.17-19 A desobediência do Adão e Eva, e a queda da graça de Deus afetou a toda a criação, incluindo o meio ambiente. Anos atrás a gente não se preocupava da contaminação dos rios com desperdícios químicos e lixo. Isto parecia tão insignificante, tão corriqueiro. Agora sabemos que só duas ou três partes por milhão de certas substâncias químicas podem danificar a saúde humana. O pecado em nossas vidas é extra?amente similar aos desperdícios tóxicos. Até as quantidades mais pequenas são letais. 3.22-24 A vida no horta do Éden era como viver no céu. Tudo era perfeito, e se Adão e Eva tivessem obedecido a Deus, poderiam ter vivido ali por sempre. Mas depois de desobedecer, Adão e Eva já não mereciam viver no paraíso, assim Deus lhes disse que se fossem. Se tivessem contínuo vivendo no horta e comendo da árvore da vida, teriam vivido para sempre. Mas a vida eterna em um estado de pecado significaria tratar de esconder-se eternamente de Deus. Como Adão e Eva, todos nós pecamos e estamos separados de Deus. Entretanto, nós não temos que permanecer separados. Deus está preparando uma nova terra como paraíso eterno para todo seu povo (veja-se Apocalipse 22). 3.24 Os querubins eram poderosos anjos do Senhor. 3.24 Assim é como Adão e Eva romperam sua relação com Deus: (1) chegaram a estar convencidos de que seu caminho era melhor que o de Deus; (2) coibiram-se e se esconderam; (3) trataram de desculpar-se e defender-se. Para construir uma relação com Deus devemos reverter esses passos: (1) abandonar as desculpas e a autodefesa; (2) deixar de nos esconder de Deus; (3) nos convencer de que o caminho de Deus é melhor que o nosso. PLANO DO SATANAS Dúvida: Faz-nos questionar a Palavra de Deus e sua bondade Desalento: Faz-nos dirigir o olhar para nossos problemas e não para Deus Confusão: Faz que as coisas más nos pareçam atrativas para que as desejemos mais que as coisas boas Derrota: Faz-nos nos sentir fracassados Demora: Faz-nos pospor as coisas para que nunca as façamos