x

Bibliatodo Comentários

Anúncios


Diário Viver
1 Crônicas 1

1. Adão, Sete, Enos,

2. Cainã, Maalalel, Jarede,

3. Enoque, Metusalém, Lameque,

4. Noé, Sem, Cam e Jafé.

5. Os filhos de Jafé foram: Gomer, e Magogue, e Madai, e Javã, e Tubal, e Meseque, e Tiras.

6. E os filhos de Gomer: Asquenaz, e Rifate, e Togarma.

7. E os filhos de Javã: Elisá, e Társis, e Quitim, e Dodanim.

8. Os filhos de Cam: Cuxe, e Mizraim, e Pute e Canaã.

9. E os filhos de Cuxe eram Sebá, e Havilá, e Sabtá, e Raamá, e Sabtecá; e os filhos de Raamá eram Sabá e Dedã.

10. E Cuxe gerou a Ninrode, que começou a ser poderoso na terra.

11. E Mizraim gerou os ludeus, e os anameus, e os leabeus, e os naftueus,

12. e os patruseus, e os caslueus ( dos quais procederam os filisteus ), e os caftoreus.

13. E Canaã gerou a Sidom, seu primogênito, e a Hete,

14. e os jebuseus, e os amorreus, e os girgaseus,

15. e os heveus, e os arqueus, e os sineus,

16. e os arvadeus, e os zemareus, e os hamateus.

17. E foram os filhos de Sem: Elão, e Assur, e Arfaxade, e Lude, e Arã, e Uz, e Hul, e Geter, e Meseque.

18. E Arfaxade gerou a Selá, e Selá gerou a Héber.

19. E a Héber nasceram dois filhos: o nome de um foi Pelegue, porquanto nos seus dias se repartiu a terra; e o nome de seu irmão era Joctã.

20. E Joctã gerou a Almodá, e a Selefe, e a Hazar-Mavé, e a Jerá,

21. e a Hadorão, e a Uzal, e a Dicla,

22. e a Ebal, e a Abimael, e a Sabá,

23. e a Ofir, e a Havilá, e a Jobabe; todos estes foram filhos de Joctã.

24. Sem, Arfaxade, Selá,

25. Héber, Pelegue, Reú,

26. Serugue, Naor, Tera,

27. Abrão, que é Abraão.

28. Os filhos de Abraão foram Isaque e Ismael.

29. Estas são as suas gerações: o primogênito de Ismael foi Nebaiote, e Quedar, e Adbeel, e Mibsão,

30. Misma, Dumá, Massá, Hadade, Temá,

31. Jetur, Nafis e Quedemá; estes foram os filhos de Ismael.

32. Quanto aos filhos de Quetura, concubina de Abraão, esta deu à luz a Zinrã, e a Jocsã, e a Medã, e a Midiã, e a Isbaque, e a Sua; e os filhos de Jocsã foram Sabá e Dedã.

33. E os filhos de Midiã: Efá, e Efer, e Enoque, e Abida, e Elda; todos estes foram filhos de Quetura.

34. Abraão, pois, gerou a Isaque; e foram os filhos de Isaque: Esaú e Israel.

35. Os filhos de Esaú: Elifaz, e Reuel, e Jeús, e Jalão, e Corá.

36. Os filhos de Elifaz: Temã, e Omar, e Zefi, e Gaetã, e Quenaz, e Timna, e Amaleque.

37. Os filhos de Reuel: Naate, Zerá, Samá e Mizá.

38. E os filhos de Seir: Lotã, e Sobal, e Zibeão, e Aná, e Disom, e Eser, e Disã.

39. E os filhos de Lotã: Hori e Homã; e a irmã de Lotã foi Timna.

40. Os filhos de Sobal eram Aliã, e Manaate, e Ebal, Sefô, e Onã; e os filhos de Zibeão eram Aías e Aná.

41. O filho de Aná foi Disom; e os filhos de Disom foram Hanrão, e Esbã, e Itrã, e Querã.

42. Os filhos de Eser eram Bilã, e Zaavã, e Jaacã; os filhos de Disã eram Uz e Arã.

43. E estes são os reis que reinaram na terra de Edom, antes que reinasse rei sobre os filhos de Israel: Belá, filho de Beor; e era o nome da sua cidade Dinabá.

44. E morreu Belá, e reinou em seu lugar Jobabe, filho de Zerá, de Bozra.

45. E morreu Jobabe, e reinou em seu lugar Husão, da terra dos temanitas.

46. E morreu Husão, e reinou em seu lugar Hadade, filho de Bedade; este feriu os midianitas no campo de Moabe; e era o nome da sua cidade Avite.

47. E morreu Hadade, e reinou em seu lugar Samlá, de Masreca.

48. E morreu Samlá, e reinou em seu lugar Saul, de Reobote, junto ao rio Eufrates.

49. E morreu Saul, e reinou em seu lugar Baal-Hanã, filho de Acbor.

50. E, morrendo Baal-Hanã, Hadade reinou em seu lugar; e era o nome da sua cidade Paú; e o nome de sua mulher era Meetabel, filha de Matrede, a filha de Me-Zaabe.

51. E, morrendo Hadade, foram príncipes em Edom o príncipe Timna, o príncipe Alva, o príncipe Jetete,

52. o príncipe Oolibama, o príncipe Elá, o príncipe Pinom,

53. o príncipe Quenaz, o príncipe Temã, o príncipe Mibzar,

54. o príncipe Magdiel e o príncipe Irão; estes foram os príncipes de Edom.

×
1 Crônicas 1

1.1 Este registro de nomes demonstra que Deus não só está interessado nas nações, mas também além nos indivíduos. Embora desde o Adão até hoje viveram trilhões de pessoas, Deus sabe e recorda a cara e o nome de cada uma delas. Cada um de nós é algo mais que um nome em uma lista. Nós somos pessoas especiais aos que Deus conhece e ama. À medida que reconhecemos e aceitamos seu amor, descobrimos tanto nossa singularidade como indivíduos como nossa solidariedade com o resto de sua família. 1.1ss Esta larga lista de nomes foi compilada depois de que o povo do Judá (reino do sul) foi levado cativo a Babilônia. Enquanto os cativos esperavam com ânsias que chegasse o dia de retornar a sua terra natal, um de seus maiores temores era que os registros de sua herança estivessem perdidos. Os judeus davam grande importância a sua herança porque cada um deles queria ser capaz de provar que era um descendente do Abraão, pai da nação judia. Só assim podia desfrutar dos benefícios das bênções especiais que Deus prometeu ao Abraão e a seus descendentes (vejam-nas notas a Gen 12:1-3 e 17.2-8 para saber o que eram estas bênções especiais). Esta lista reconstruía a árvore genealógica do Judá (o reino do sul) e Israel (o reino do norte) anterior ao cativeiro e servia como prova para aqueles que diziam ser descendentes do Abraão. (Para mais informação sobre o porquê a Bíblia inclui genealogias, leiam-nas notas a Gen 5:1ss, Mat 1:1 e Luk 3:23-38.) 1.1ss Nesta larga genealogia há mais do que se vá a simples vista. É importante para nós hoje, já que prova as afirmações do Antigo Testamento de que Jesus, o Messías, seria um descendente do Abraão e Davi. Esta promessa está registrada em Gen 12:1-3 e 2Sa 7:12-13. 1.1, 4 A história do Adão e seu perfil se encontram em Gênese 1-5. A história e o perfil do Noé se encontram em Gênese 6-9. 1.5-9 Filhos pode também significar descendentes. Daí que uma genealogia bíblica possa saltar várias gerações. A razão destas listas não era prover detalhes exaustivos, a não ser dar uma informação adequada a respeito de várias linhas familiares. 1.10 Nimrod também se menciona em Gen 10:8-9. 1.11, 12 Os filisteus tinham sido constantes inimigos do Israel dos dias dos juizes. O rei Davi finalmente os debilitou e por estes tempos já não representavam uma ameaça. (Para mais informação a respeito dos filisteus, vejam-nas notas a Jdg 13:1 e 1Sa 4:1.) 1.13-16 Canaán era o antepassado dos cananeos, quem habitou na terra prometida (também chamada Canaán) antes de que chegassem os israelitas sob a liderança do Josué. Deus ajudou aos israelitas a tirar os cananeos, que eram um povo malvado e idólatra. O nome da terra foi então trocado ao do Israel. O livro do Josué relata essa história. 1.19 A expressão "foi dividida a terra" se refere ao momento em que a terra foi dividida em grupos de diferentes idiomas. Em um momento, todos falavam uma só língua. Mas algumas pessoas se voltaram soberbas por seus lucros e se reuniram para construir um monumento para si mesmos: a torre de Babel. O projeto de construção concluiu abruptamente quando Deus fez que o povo falasse línguas diferentes. Sem a habilidade de comunicar-se entre si, o povo não pôde mantenrse unido. Deus lhes mostrou que seus grandes esforços eram inúteis sem O. nos orgulhar por nossos lucros não deve nos guiar à conclusão de que já não necessitamos a Deus. Esta história se relata em Gen 11:1-9. 1.24-27 A história e o perfil do Abraão se encontram em Gênese 11.26-25.10. 1.28-31 A história e o perfil do Ismael se encontram em Gênese 17 e 21. 1.34 o Israel é outro nome para o Jacó porque os doze filhos do Jacó chegaram a ser a nação do Israel. Os descendentes do Esaú chegaram a ser a nação do Edom, um inimigo constante do Israel. Para conhecer mais a respeito das vidas do Isaque e de seus dois filhos, Jacó e Esaú, vejam-se suas histórias e perfis em Gênese 21-36; 46-49. 1.36 Amalec, neto do Esaú, foi o filho da concubina de seu pai (Gen 36:12). Foi o antepassado da malvada tribo conhecida como os amalecitas, o primeiro povo que atacou aos israelitas quando foram caminho à terra prometida. (Para mais informação a respeito dos amalecitas, veja-a nota a Exo 17:8.) 1.43-54 por que nos dá aqui informação a respeito desta genealogia dos descendentes do Edom que eram inimigos do Israel? Esaú, antepassado dos edomitas, foi o filho maior do Isaque e portanto um descendente direto do Abraão. Como primeiro neto do Abraão merecia um lugar nos registros judeus. Entretanto, foi através dos matrimônios do Esaú com mulheres pagãs, que começou a nação do Edom. Esta genealogia mostra a linhagem das nações inimizades, que não foram parte da linhagem direta do rei Davi, e portanto do Messías. Esta lista identificou até mais o papel e a identidade especial do Israel.





Anúncios