x

Bíblia On-line

Anúncios




João 1 - Versão Católica com cabeçalhos

O Verbo se fez carne

1. Cristo, a Palavra eterna No começo a Palavra já existia: a Palavra estava voltada para Deus, e a Palavra era Deus.

2. No começo ela estava voltada para Deus.

3. Tudo foi feito por meio dela, e, de tudo o que existe, nada foi feito sem ela.

4. Nela estava a vida, e a vida era a luz dos homens.

5. Essa luz brilha nas trevas, e as trevas não conseguiram apagá-la.

6. Apareceu um homem enviado por Deus, que se chamava João.

7. Ele veio como testemunha, para dar testemunho da luz, a fim de que todos acreditassem por meio dele.

8. Ele não era a luz, mas apenas a testemunha da luz.

9. A luz verdadeira, aquela que ilumina todo homem, estava chegando ao mundo.

10. A Palavra estava no mundo, o mundo foi feito por meio dela, mas o mundo não a conheceu.

11. Ela veio para a sua casa, mas os seus não a receberam.

12. Ela, porém, deu o poder de se tornarem filhos de Deus a todos aqueles que a receberam, isto é, àqueles que acreditam no seu nome.

13. Estes não nasceram do sangue, nem do impulso da carne, nem do desejo do homem, mas nasceram de Deus.

14. E a Palavra se fez homem e habitou entre nós. E nós contemplamos a sua glória: glória do Filho único do Pai, cheio de amor e fidelidade.

O testemunho de João Batista

15. João dava testemunho dele, proclamando: ""Este é aquele, a respeito de quem eu falei: aquele homem que vem depois de mim passou na minha frente, porque existia antes de mim.""

16. Porque da sua plenitude todos nós recebemos, e um amor que corresponde ao seu amor.

17. Porque a Lei foi dada por Moisés, mas o amor e a fidelidade vieram através de Jesus Cristo.

18. Ninguém jamais viu a Deus; quem nos revelou Deus foi o Filho único, que está junto ao Pai.

19. João Batista nega ser o Cristo O testemunho de João foi assim. As autoridades dos judeus enviaram de Jerusalém sacerdotes e levitas para perguntarem a João: ""Quem é você?""

20. João confessou e não negou. Ele confessou: ""Eu não sou o Messias.""

21. Eles perguntaram: ""Então, quem é você? Elias?"" João disse: ""Não sou."" Eles perguntaram: ""Você é o Profeta?"" Ele respondeu: ""Não."" Então perguntaram:

22. Quem é você? Temos que levar uma resposta para aqueles que nos enviaram. Quem você diz que é?

23. João declarou: ""Eu sou uma voz gritando no deserto: Aplainem o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías.""

24. Os que tinham sido enviados eram da parte dos fariseus.

25. E eles continuaram perguntando: ""Então, por que é que você batiza, se não é o Messias, nem Elias, nem o Profeta?""

26. João respondeu: ""Eu batizo com água, mas no meio de vocês existe alguém que vocês não conhecem,

27. e que vem depois de mim. Eu não mereço nem sequer desamarrar a correia das sandálias dele.""

28. Isso aconteceu em Betânia, na outra margem do Jordão, onde João estava batizando.

29. Jesus o Cordeiro de Deus No dia seguinte, João viu Jesus, que se aproximava dele. E disse: ""Eis o Cordeiro de Deus, aquele que tira o pecado do mundo.

30. Este é aquele de quem eu falei: Depois de mim vem um homem que passou na minha frente, porque existia antes de mim.

31. Eu também não o conhecia. Mas vim batizar com água, a fim de que ele se manifeste a Israel.""

32. E João testemunhou: ""Eu vi o Espírito descer do céu, como uma pomba, e pousar sobre ele.

33. Eu também não o conhecia. Aquele que me enviou para batizar com água, foi ele quem me disse: Aquele sobre quem você vir o Espírito descer e pousar, esse é quem batiza com o Espírito Santo.

34. E eu vi, e dou testemunho de que este é o Filho de Deus.""

Os primeiros apóstolos de Jesus

35. Os primeiros discípulos de Jesus No dia seguinte, João aí estava de novo, com dois discípulos.

36. Vendo Jesus que ia passando, apontou: ""Eis aí o Cordeiro de Deus.""

37. Ouvindo essas palavras, os dois discípulos seguiram a Jesus.

38. Jesus virou-se para trás, e vendo que o seguiam, perguntou: ""O que é que vocês estão procurando?"" Eles disseram: ""Rabi (que quer dizer Mestre), onde moras?""

39. Jesus respondeu: ""Venham, e vocês verão."" Então eles foram e viram onde Jesus morava. E começaram a viver com ele naquele mesmo dia. Eram mais ou menos quatro horas da tarde.

40. André, irmão de Simão Pedro, era um dos dois que ouviram as palavras de João e seguiram a Jesus.

41. Ele encontrou primeiro o seu próprio irmão Simão, e lhe disse: ""Nós encontramos o Messias (que quer dizer Cristo).""

42. Então André apresentou Simão a Jesus. Jesus olhou bem para Simão e disse: ""Você é Simão, o filho de João. Você vai se chamar Cefas (que quer dizer Pedra).""

43. Jesus chama Filipe e Natanael No dia seguinte, Jesus decidiu partir para a Galiléia. Encontrou Filipe e disse: ""Siga-me.""

44. Filipe era de Betsaida, cidade de André e Pedro.

45. Filipe se encontrou com Natanael e disse: ""Encontramos aquele de quem Moisés escreveu na Lei e também os profetas: é Jesus de Nazaré, o filho de José.""

46. Natanael disse: ""De Nazaré pode sair coisa boa?"" Filipe respondeu: ""Venha, e você verá.""

47. Jesus viu Natanael aproximar-se e comentou: ""Eis aí um israelita verdadeiro, sem falsidade.""

48. Natanael perguntou: ""De onde me conheces?"" Jesus respondeu: ""Antes que Filipe chamasse você, eu o vi quando você estava debaixo da figueira.""

49. Natanael respondeu: ""Rabi, tu és o Filho de Deus, tu és o rei de Israel!""

50. Jesus disse: ""Você está acreditando só porque eu lhe disse: Vi você debaixo da figueira? No entanto, você verá coisas maiores do que essas.""

51. E Jesus continuou: ""Eu lhes garanto: vocês verão o céu aberto, e os anjos de Deus subindo e descendo sobre o Filho do Homem.""





Anúncios