- Anúncios -
x

Bíblia On-line




Gênesis 32 - Versão Católica com cabeçalhos

1. Jacó prepara-se para se encontrar com Esaú Labão levantou-se de madrugada, beijou seus netos e suas filhas e os abençoou. Depois partiu e voltou para casa.

2. Jacó continuou o seu caminho e se encontrou com anjos de Deus.

Jacó envia mensageiros a Esaú

3. Ao vê-los, Jacó exclamou: ""Este é o acampamento de Deus"". Por isso, deu a esse lugar o nome de Maanaim.

4. Jacó enviou na frente mensageiros a seu irmão Esaú, no país de Seir, no campo de Edom.

5. Deu esta ordem a eles: ""Vocês falarão deste modo ao meu senhor Esaú: Assim fala seu servo Jacó: Vivi com Labão e estive com ele até agora.

6. Adquiri bois e jumentos, ovelhas, servos e servas. Envio esta mensagem ao meu senhor para alcançar o seu favor"".

7. Os mensageiros voltaram a Jacó, dizendo: ""Fomos até seu irmão Esaú e ele próprio vem vindo ao encontro de você com quatrocentos homens"".

8. Jacó ficou cheio de medo e angústia. Então dividiu em dois grupos os homens que estavam com ele, e também as ovelhas e bois,

9. calculando: ""Se Esaú atacar um dos acampamentos, o outro poderá se salvar"".

10. Jacó rezou: ""Javé, Deus de meu pai Abraão e Deus de meu pai Isaac, tu me ordenaste: Volte à sua terra e à sua pátria, e eu serei bom com você.

11. Eu não mereço os favores nem a bondade com que trataste teu servo. Quando atravessei o Jordão, eu tinha apenas um bastão, agora possuo duas caravanas.

12. Livra-me da mão do meu irmão Esaú, pois tenho medo que ele venha e mate as mães com os filhos.

13. Tu me disseste: Eu lhe darei bens e tornarei sua descendência tão numerosa como a areia do mar, que não se pode contar "".

14. E Jacó passou a noite nesse lugar. De tudo o que possuía, Jacó separou um presente para o seu irmão Esaú:

15. duzentas cabras e vinte bodes, duzentas ovelhas e vinte cordeiros,

16. trinta camelas de leite, com suas crias, quarenta vacas e dez touros, vinte jumentas e dez jumentinhos.

17. Ele os entregou a seus servos em rebanhos separados, e disse a eles: ""Vão na minha frente e deixem espaço entre os rebanhos"".

18. E deu esta ordem ao primeiro: ""Quando meu irmão Esaú o encontrar e lhe perguntar: De quem você é, e para onde vai? De quem é tudo isso que você está levando?,

19. então você responderá: É do seu servo Jacó. É um presente que ele envia para o meu senhor Esaú, e ele próprio chegará depois de nós "".

20. Jacó deu a mesma ordem ao segundo e ao terceiro e a todos os que acompanhavam os rebanhos: ""Quando vocês encontrarem Esaú, digam tudo isso.

21. E acrescentem: Veja! Seu servo Jacó está vindo atrás de nós "". Pois Jacó pensava: ""Vou acalmar meu irmão com os presentes que vão antes de mim. Depois eu me apresentarei a ele. Talvez assim ele me receba bem"".

Jacó passa o vau de Jaboque e luta com um anjo

22. Jacó luta com Deus Os presentes foram na frente, e Jacó ficou essa noite no acampamento.

23. Nessa noite, Jacó se levantou, pegou suas duas mulheres, suas duas servas, seus onze filhos e atravessou o vau do Jaboc.

24. Jacó os pegou e os fez atravessar a torrente, com tudo o que possuía.

25. E Jacó ficou sozinho. Um homem lutou com Jacó até o despertar da aurora.

26. Vendo que não conseguia dominá-lo, o homem tocou a coxa dele, de modo que o tendão da coxa de Jacó se deslocou enquanto lutava com ele.

27. Então o homem disse: ""Solte-me, pois a aurora está chegando"". Jacó respondeu: ""Não o soltarei, enquanto você não me abençoar"".

28. O homem lhe perguntou: ""Qual é o seu nome?"" Ele respondeu: ""Jacó"".

29. O homem continuou: ""Você já não se chamará Jacó, mas Israel, porque você lutou com Deus e com homens, e você venceu"".

30. Jacó lhe perguntou: ""Diga-me o seu nome"". Mas ele respondeu: ""Por que você quer saber o meu nome?"" E aí mesmo o abençoou.

31. Jacó deu a esse lugar o nome de Fanuel, dizendo: ""Eu vi Deus face a face e continuei vivo"".

32. Ao nascer do sol, Jacó atravessou Fanuel e mancava por causa da coxa.

33. Por isso, até hoje os israelitas não comem o nervo ciático, que está na articulação da coxa: é porque aquele homem feriu Jacó na articulação da coxa, no nervo ciático.