O Lobo Flautista

Um cabrito ficou para atrás no rebanho e foi atacado por um lobo que o perseguia.  Voltou-se para este e lhe disse: “Já sei, senhor lobo, que estou condenado a ser seu almoço.  Mas para não morrer sem honra, toca a flauta e eu dançarei por última vez”.

E assim o fizeram, mas os cães, que não estavam longe, ouviram o ruído e saíram a perseguir o lobo.  Vendo a má passada, disse o lobo: “Com sobrada razão sucedeu-me isto, porque sendo eu caçador, não devi me meter a flautista”.

Quando for fazer uma nova atividade, antes tenha em conta suas capacidades e as circunstâncias, para valorizar se pode sair adiante.

Deixe seus comentários