Milhares de tribos ganenses se rendem a Cristo por pregar em novo chefe tribal

O líder de uma tribo em Gana renunciou a participar de rituais tribais para trazer um trabalho missionário para todo o lugar.

Naa Bohagu, é uma seguidora de Cristo e o braço direito do chefe da aldeia, e decidiu romper com um ato de bruxaria, sacrifício e orações islâmicas.

Desde os tempos antigos, a mão direita da principal autoridade aceitou Cristo muito jovem, e de lá eles lutaram para que o evangelho se expandisse.

“As pessoas não sabiam o que era um cristão. Mas quando eles vêem que você é bom, gentil e compassivo, como Jesus, eles querem que você seja seu líder. Eles vêem que nos tornamos pacificadores”, diz Nasiiraana, embaixador do rei.

Em gana, missionários cristãos estão ganhando almas para Cristo, pregação pioneira e testemunho positivo para todos.

E assim, como eles, outros líderes de aldeia em Gana estão reconhecendo o trabalho que a palavra de Deus está fazendo nas pessoas.

“Eu cresci sabendo que o chefe era cristão, então eu sabia que também poderia seguir Jesus como chefe”, explicou Soambangba, chefe da aldeia de Namangu, em Gana.

Além disso, muitos abandonaram os velhos costumes de seus antepassados para servir a Deus, alguns dos quais são líderes juvenis ou pastores de comunidades inteiras.

Desde 2010, líderes cristãos de Gana começaram sua própria sociedade chamada Associação de Líderes Cristãos do Norte de Gana, tornando os valores cristãos sua prioridade para promover.

Deixe seus comentários