Melissa Joan Hart, a atriz de Deus não está morrido dois, fala sobre sua viagem de fé

24

Melissa Joan Hart foi a última convidada no podcast de ABC, Journeys of Faith com Paula Faris. Hart falou sobre sua fé em Deus: como tem crescido nos últimos anos e como afeta sua vida quotidiana.

Melissa Joan Hart
Melissa Joan Hart

Durante anos ela realmente lutou para ligar com a fé e entender a Bíblia.

“O tentaria”, lhe disse a Paula Faris de ABC. Inclusive leu Revelações por si mesmas quando era adolescente, mas lhe custou o entender. “Sempre estava tratando de aprender mais sobre a Bíblia, mas simplesmente não podia entender como”, disse.

Hart criou-se como católico como a maioria das outras famílias que vivem em Long Island, Nova York. Mas quando ela e seu esposo criado em um batismo estavam procurando uma comunidade de fé juntos em Os Anjos, estabeleceram-se em uma igreja presbiteriana.

No entanto, está sendo acusada de ser antissemita por achar que Jesus é o caminho ao Pai, já que seu filho ao conhecer a um menino judeu perguntou-lhe quem iria ao céu e como, ao que ela respondeu que primeiro deveria conhecer a Jesus para poder ir ao céu, o que têm catalogado como uma resposta anti-judia.

“SOU CRISTIANA, ACHO QUE JESÚS É MEU SALVADOR. CREIO EM DEUS E CREIO EM JESÚS COMO SEU FILHO. CRER EM JESÚS É O QUE ABRE As PORTAS DO CÉU”, DISSE NA ENTREVISTA.

Tem confessado que gosta de passar tempo com outros cristãos para orar e continuar conhecendo a Deus mediante a Palavra, mas sua luta segue aí.

“ENTÃO FECHO Os OLHOS E LIGO-ME COM O ESPÍRITO SANTO E DEIXO-LHE QUE ME FALE. E SENTE ESSA CALIDEZ E SENTE ESSA MUDANÇA”, CONTA.

Melissa diz como pode sentir a escuridão espiritual no meio da guerra espiritual, pois fala em voz alta com muita fé, “Quando estou em minha casa e me temo que se esteja sozinha ou se meu marido está dormido dantes que eu, me temo e estou caminhando pelos corredores e você tem essa sensação aterradora como a pele de galinha em suas costas como algo não está bem, só digo em voz alta, já sabe, ‘Leste é um lar de Jesus, Satanás não é bem-vindo aqui, sal, este é um lar para Jesus“, disse.

Para Melissa, Jesus é sua luz no meio de trevas, “Uma das grandes coisas que tenho aprendido é que a escuridão é só a ausência de luz e sem Jesus simplesmente tem esta escuridão e então Jesus é a luz… de modo que não ter a Jesus em sua vida simplesmente deixa este vazio”, conclui a atriz.

Deixe seus comentários