Globo põe transexual numa novela adolescente para “desconstruir gênero”

138

“Estamos conquistando um espaço legal”, celebra ator transexual.

O ator transexual Gabriela Loran, 24 anos, vai ser parte do elenco da novela adolescente “Malhação – Vidas Brasileiras”. Sendo uma professora de dança. Ela vai entusiasmar o personagem Leandro (Dhonata Augusto) para “enfrentar os preconceitos”.

Numa entrevista ao jornal O Globo, Loran afirma que, durante a trama, “vai acontecer uma desconstrução muito bonita da questão do gênero no que diz respeito à dança”.

Loran disse que quer servir de exemplo para jovens como ele. “Acho muito interessante que seja no horário em que os adolescentes estão assistindo. Eu, quando jovem, não tive essa referência. Quando a pessoa vê uma mulher trans e empoderada, ocupando um espaço de respeito, ela acredita que existe, sim, uma oportunidade. Estou tendo um feedback maravilhoso. Muitas meninas trans me escrevem, comemorando. Isso, para mim, como Gabriela e militante, não tem preço. Servir de referência para alguém como você é incrível”, afirmou.

No período vespertino, um ator transexual vai, inevitavelmente, abrir uma nova perspectiva na abordagem deste tema pela maior emissora de TV da América Latina.

 “É muito importante que nós tenhamos chances… quando a pessoa está presente, a gente vê que ela existe. Estamos conquistando um espaço legal, mas não podemos nos acomodar, senão perderemos o pouco que alcançamos. Hoje, há diversas mulheres trans buscando espaço, mas a gente precisa de mais e mais. Porque eu posso ter sido a primeira a ocupar esse espaço de ‘Malhação’, mas não quero ser a única”, assegura.

Deixe seus comentários