Candidato democrata chama hipócrita aos evangélicos por apoiarem Trump

O candidato presidencial democrata Pete Buttigieg na semana passada questionou a crença do presidente Trump em Deus. No domingo, ele lamentou o que ele considera a “hipocrisia” dos defensores evangélicos de Trump.

Pete Buttigieg
Pete Buttigieg

O prefeito de South Bend, Indiana, apareceu no programa Meet da NBC a imprensa anfitrião Chuck Todd e perguntou como a avaliação “pintura” Trump do fato de que a comunidade evangélica “é tão dedicada” ao presidente.

“É algo que realmente me frustra porque a hipocrisia é incrível”, disse Buttigieg. “Aqui você tem alguém que não apenas age de uma maneira que não é consistente com qualquer coisa que eu ouço nas Escrituras ou na igreja, quando se trata de criar os pequenos entre nós e cuidar de estranhos, que é outra palavra para imigrantes. E certificando-se de concentrar seu esforço nos pobres”.

“Mas, pessoalmente, como você deveria se comportar. Não olhe para o peito, mas humilhar-se diante dos outros”, acrescentou. “Lave seus pés é uma das imagens centrais do Novo Testamento. E nós vemos o oposto disso nesta presidência”.

Buttigieg também expressou frustração que os evangélicos promoveram a “ética sexual”, mas eles ainda voltaram para Trump.

“Eu não posso acreditar que alguém que foi pego enviando cheques para atrizes de filmes adultos é alguém que eles deveriam considerar como o tipo de pessoa que quer liderar nesta nação”, disse ele.

Buttigieg supôs que ele poderia ser visto como o oposto de Trump: “um jovem prefeito gay, relaxado e intelectual do Meio-Oeste”.

Na semana passada, Buttigieg questionou se Trump acredita em Deus.

“Estou relutante em comentar sobre a fé de outra pessoa, mas eu diria que é difícil ver as ações desse presidente e acreditar que elas são ações de alguém que acredita em Deus”, disse ele ao jornal USA Today. “Eu simplesmente não entendo como você pode ser tão amoroso de si mesmo como ele é e estar preparado para se humilhar diante de Deus. Eu nunca o vi se humilhar antes de ninguém”.

Deixe seus comentários